Páginas


3 de jun de 2012

Querido Didi, está na hora de se aposentar. - Crítica

Renato Aragão. Didi, Mocó, Sonrisal, Colesterol, Novalgina....
A muito tempo atrás, um humorista surgiu na televisão brasileira. Esse humorista era Renato Aragão. Na época, ninguém sabia que ele iria se tornar um dos maiores comediantes do Brasil, mas muito confiaram em seu talento, e obviamente não se decepcionaram com ele.

Mas com o tempo, tudo se degrada, até os artistas. Hoje, Renato Aragão (Didi) mantém um programa completamente entediante (pra não dizer chato), que só tem alguma audiência porque passa no domingo, na hora do almoço.
Hoje (03/06/12) foi a gota d’água. Eu estava na sala, quando o programa começou, e eu resolvi reparar em quantas pessoas davam risada. Simplesmente fiquei observando, em surdina. No fim do programa, NINGUÉM tinha dado uma simples risada. Sério, ninguém mesmo.

Naquele momento eu percebi que não dá mais para o Didi continuar na televisão, pelo menos não como está. Esse ano eles prometeram que iriam mudar o formato do show, mas a única coisa que eles colocaram foi uma platéia cheia de mulher, que OBVIAMENTE está dando risada porque é paga para isso.
Sem nenhuma novidade, a forma de humor continua sendo a mesma de 30 anos atrás. Cenários e figurinos exagerados, histórias sem graça e que muitas vezes acabam sem sentido algum.

Eu sei que isso não é culpa do ator (ou pelo menos, não só dele), mas o programa só esta no ar por causa dele! Sem ele, aquele monte de humorista de quinta nunca teria peito pra sustentar um programa de domingo.

Por isso, eis aqui minha sentença ao programa:
Ou mudam LOGO todo o formato do programa, ou o Renato Aragão vai ter que se aposentar mais cedo.

Logo logo todas as casa no Brasil (ou pelo menos a maioria delas) terá TV a cabo, e sinceramente, eu não creio que alguém vá preferir assistir a Turma do Didi, tendo a Fox e otras grandes produtoras de humor como escolha.

Agora vem os fanboys e dizem “Se não gosta é só não assistir!” Mas a questão não é essa. Eu realmente não faço questão de assistir e perder o meu tempo. Eu só acho que há muitos comediantes engraçados, talentosos e em plena forma, que poderiam ter um espaço ali. Seria um UP na programação da Globo.


Leia mais artigos relacionados.